, , , ,

4 indicadores de confiança que ajudam na conversão da sua loja virtual

É comprovado que a maioria das pessoas tomam decisões de compra por impulso em uma loja virtual, e você já se perguntou se eles confiam em sua loja?

Consumidores virtuais, principalmente os de primeira viagem, avaliam muito o seu e-commerce de diversas formas para decidir se você é confiável. Eles querem saber se os dados pessoais e de cartão de crédito estão seguros, se a sua privacidade está realmente protegida, certeza de que eles vão receber o produto comprado e se realmente a loja cumpre os serviços oferecidos.

Felizmente, você pode ganhar novos clientes exibindo indicadores de confiança comprovada em lugares estratégicos no seu site.

Estes selos bem colocados podem reforçar visivelmente que sua loja virtual pode ser confiável. Como resultado, você tem maior aumento de conversões reduzindo o abandono do carrinho de compras.

Vamos analisar alguns indicadores de confiança que o seus clientes normalmente procuram:

  1. Selos de Segurança

Protegendo dados, evitando golpes de phishing e segurança contra códigos mal-intencionados são todos importantes para os compradores on-line. Você pode provar que sua loja está segura e limpa de código suspeito de algumas maneiras.

  1. Certificado SSL –  Provavelmente oferece um selo como parte do serviço, com link para que o usuários possam verificar informações da loja como: Razão social, loja ativa e loja segura. Algumas das principais empresas fornecem script de código para copiar e colar facilmente em sua loja, Symantec, Comodo, GeoTrust, RapidSSL, Certisign e GlobalSign
  2. Scans de Segurança – Em alguns sites você pode colocar o seu domínio e será verificado a presença de qualquer malware ou redirecionamentos suspeitos em seu site, algumas serviços como McAfee, Symantec e Google Trusted Stories são exemplos de selos que seus clientes provavelmente reconhecerão.
  1. Serviço de alta qualidade

Os compradores também querem ter certeza de que você entregará um ótimo serviço. Eles olham para as associações de defesa do consumidor e as marcas que você vende para monitorar os padrões de serviço, tais como:

  • Plataforma sem erros;
  • Comentários dos produtos sinceros;
  • Acesso e resposta das equipes de atendimento ao cliente;
  • Políticas de devolução e reembolso;
  • Velocidade de processamento e cumprimento de pedidos;
  • Divulgação clara de quaisquer termos e condições.

Um bom indicador de que seu serviço é excepcional é mostrar os certificados que você ganha ao entregar o que você promete. Isso poderia ser tão simples como mostrar que você é um revendedor autorizado para uma determinada marca.

Veja algumas empresas e serviços especializados em certificar se sua loja tem qualidade para atender seu cliente: E-bit, Validcomm, Trustvox, Yourviews, Compre e Confie, e-Confie entre outros.

  1. Garantia de Privacidade

Proteger os dados do cliente é apenas o começo. Os consumidores querem garantias de que você está protegendo sua privacidade e que você não está coletando ou usando suas informações pessoais para outras finalidades.

Para ajudar a proteger os consumidores, os governos de todo o mundo estão aplicando vigorosamente as leis e regulamentos de privacidade em seu nome. Uma boa maneira de construir confiança é mostrar que você está de acordo com essas regras. Alguns fornecedores como Site Blindado e Clear Sale podem avaliar suas práticas de dados e fornecer monitoramento constante e contínuo.

  1. Políticas de Garantia

Seus clientes gostam de saber que têm opções e garantias caso o processo de compra em sua loja virtual dê algum tipo de erro, como devolução do produto, troca do produto por outro ou até mesmo o reembolso.

O direito de arrependimento do consumidor de acordo com o Artigo 49 do Código de Defesa do Consumidor pode ser exercido no prazo de 7 dias após o recebimento do produto ou do início da prestação do serviço.

Dê destaque para estas informações com uma página dedicada, explicando todo o processo e telefones casa haja dúvidas.

Como implementar indicadores de confiança?

Aqui estão as melhores práticas para implementar esses indicadores de confiança para que eles possam ter o maior impacto para você e seus clientes:

– Insira os indicadores em páginas importantes. Não espere o cliente chegar ao carrinho de compras para exibir seus indicadores de confiança ou para manter seus visitantes no seu site. Estabeleça sua credibilidade no momento em que eles acessam.

Geralmente este primeiro acesso acontece em uma página de produto ou em sua home. Estas páginas são os locais onde você deve apresentar seus certificados de segurança, serviços e antifraudes.

– Destaque os indicadores. A grande maioria das lojas virtuais inserem seus selos no rodapé da loja, e é lá que seus clientes vão procurar, pois além dos selos, existem as informações de CNPJ, Razão Social, Telefones, Endereço e formas de pagamento.

Algumas lojas estão inserindo selos no cabeçalho, impactando mais seus clientes, mostrando que a loja está muito preocupada com sua credibilidade.

Coloque os botões de ação próximos. A proximidade de seus botões de chamada para ação (call-to-action) é a melhor maneira de influenciar as ações de seus compradores, isso reforça que não há problema em clicar.

Mostre suas garantias perto do botão “Adicionar ao carrinho” e opções pós-pagamento perto de seu botão de checkout.

Exibir selos de segurança ao lado do local onde os compradores inserem suas informações financeiras ou finalizam sua compra.

– Torne seu selo significativo. Não existe regra para quantidade de indicadores que você pode exibir, porém é de bom senso que sua loja esteja também dentro dos padrões de layout.

Indico sempre que tenha um selo para cada indicador da sua loja: Segurança, Confiança, Validação, Review, Anti-Fraude, Consumidor.

– Não copie uma imagem. Não basta copiar a imagem de um selo desejado e publicá-lo em seu site. Isso é violação de direitos autorais e além disso, você não está realmente economizando dinheiro, os usuários sabem identificar um selo falso, que instantaneamente destrói qualquer confiança em sua loja.

Demonstrar que você tomou as medidas para proteger a segurança dos seus compradores e oferecer um serviço excepcional são os primeiros passos para ganhar confiança. Mostre seus indicadores de confiança com orgulho, você ganhou, conquistou e os visitantes de sua loja são mais propensos a recompensá-lo, tornando-se compradores.

,

Pequenos e-commerces poderão construir sua Reputação Online com versão gratuita da ferramenta TrustedCompany

TrustedCompany, plataforma independente de avaliações, lança novo pacote grátis para a coleta, gestão e compartilhamento de avaliações. “Desenvolvemos o plano ‘Lite’ especialmente para ajudar as pequenas lojas virtuais a construirem sua reputação online e mostrar aos e-consumidores que são um e-commerce confiável.”, afirma Gabriel Alves, VP Latam da TrustedCompany.

O novo plano oferece aos e-commerces com até 100 pedidos por mês a possibilidade de coletar avaliações de clientes, de forma automática e com template de convite personalizado; fazer a gestão das avaliações via Ferramenta de Mediação e/ou Resposta Pública; e compartilhar a credibilidade com os Widgets de Avaliações da TrustedCompany.

Através da coleta de avaliações de clientes as empresas fazem uso do marketing boca a boca online”, comenta Gabriel. “Para as pequenas lojas virtuais esta recomendação é ainda mais valiosa, uma vez que ajuda a diferenciar seu atendimento e serviço dos seus concorrentes, pois não é a loja virtual que está dizendo que oferece um serviço confiável e transparente, e sim são os clientes falando e reforçando a credibilidade do negócio.”, complementa o executivo.

Outras funcionalidades disponíveis no plano ‘Lite’ são suporte via e-mail, notificações em tempo real, dados estatísticos. Mais informações sobre a nova versão e a página para cadastro já estão disponíveis no website da TrustedCompany: trustedcompany.com/br/register

 

Fonte: https://www.ecommercebrasil.com.br/noticias/pequenos-e-commerces-poderao-construir-sua-reputacao-online-com-versao-gratuita-da-ferramenta-trustedcompany/

, , , ,

Validações

Selo de Validação (Compliance e Funcionamento)

Neste ano foi criado um novo tipo de selo para startups, o Selo de Validação, um selo de garantia de que 70% ou mais do e-commerce está funcionando perfeitamente e que atesta que a loja está em compliance com a legislação. A startup chama-se ValidComm (www.validcomm.com.br) e verifica a partir de ferramentas e de consultores de e-commerce independentes se mais de 100 itens da plataforma e conteúdo estão funcionando.

A startup surgiu para solucionar um problema comum nos e-commerces, os bugs em carrinhos de compra, em páginas de acesso, em links e ainda a falta de cumprimento das regras legais no e-commerce. O proprietário de e-commerce precisa lembrar que a loja virtual tem que funcionar em diferentes tipos de celular e tablets e computadores de marcas variadas.

Além disso, o Selo ainda valida outra área importante do e-commerce, se a loja está em compliance com a Lei do E-commerce (Decreto Federal 7.962/13 ) e  se está cumprindo as regras determinadas pela legislação vigente.

 

 

Chrome vai exibir sites HTTP como “não seguros”

A equipe de segurança do Chrome anunciou que, a partir de janeiro de 2017, o navegador irá emitir um alerta sempre que os usuários acessarem sites com conexões inseguras HTTP para transmitir senhas e cartões de crédito.

chrome-nao-seguro-2

O alerta será exibido na barra de endereços e irá chamar a atenção dos usuários para a possibilidade de que suas informações pessoais podem ser interceptadas ou roubadas durante a navegação.

O Google também espera adicionar o alerta de segurança no modo anônimo do Chrome e, no futuro, alertar para a questão em todas as páginas inseguras HTTP – independente do conteúdo.

chrome-nao-seguro

Fonte: http://googlediscovery.com